Buscar
  • Conteúdo_EasyPro

Gestão de Estoque com o Auxílio do Checklist




Administrar a gestão de estoque com ferramentas de controle é a melhor forma de manter-se competitivo e imune a imprevistos no dia a dia. Por meio de um checklist, por exemplo, você sabe o momento certo para comprar, estocar ou mesmo avaliar gargalos produtivos e oportunidades de crescimento.


Para tanto, convidamos você a seguir com esta leitura para entender não apenas o valor da gestão de estoque, mas o papel elementar do checklist nesse tipo de atividade. Confira!


O que Caracteriza uma Boa Gestão de Estoque?


Empresas que sabem, exatamente, a entrada e saída de produtos e, também, a rotatividade de cada um deles têm muito mais chances de economizarem no processo de gestão de estoque.


Afinal de contas, fica mais fácil escolher o momento ideal para manter o estoque abastecido. Além disso, o trabalho estratégico faz com que você possa trabalhar com um estoque mínimo, sempre mantendo o seu capital em giro e não estacionado em um armazém cheio de produtos que não rendem seu dinheiro.


Portanto, não é exagero dizer que a gestão de estoque agrega controle, segurança e otimização dos seus recursos para que, em curto e médio prazo, isso tudo se traduza em resultados financeiros.


Como Fazer uma Gestão de Estoque Eficiente?


No título deste artigo já destacamos o valor de um checklist para a sua gestão de estoque otimizada, certo?


Pois então, vamos mostrar o que deve constar na sua rotina, primeiramente, para então facilitar a apresentação do checklist como uma solução para o seu negócio:

  • Monitoramento do seu inventário — que é a soma dos produtos tanto na loja quanto no estoque, armazenados;

  • Planejamento da demanda no curto, médio e longo prazo;

  • Análise da qualidade do armazenamento de seus produtos;

  • Táticas e métodos de prevenção de perdas;

  • Treinamento da equipe para o bom gerenciamento e manutenção do estoque.

Com base nesses itens, já deu para perceber como o checklist pode fazer a diferença na gestão de estoque?


Veja também: 10 passos para montar um checklist ideal


Afinal, são aspectos que podem ser analisados, item por item, de maneira que todos possam seguir o checklist como uma verdadeira cartilha para o constante desenvolvimento interno do trabalho.


Imagine que, periodicamente, sua equipe tenha que analisar os meios de prevenção de perdas. Com o checklist, isso é feito de maneira padronizada e uniforme, não abrindo espaço para erros e imprevistos.


O mesmo vale para o treinamento dos seus colaboradores, que vão aprender gradualmente cada uma de suas obrigações e vão saber como seguir o respectivo dia a dia de cada área por meio do checklist.


Na gestão de estoque, isso funciona da mesma forma. E, o melhor: pode ser feito com o auxílio tecnológico de sistemas que, quando personalizados, se alinham perfeitamente à sua demanda, características do seu negócio e aos seus objetivos e necessidades.


Quer saber mais a respeito? Fale com um de nossos especialistas agora mesmo! Eles podem apresentar não apenas os benefícios do checklist para a gestão de estoque, mas a amplitude da nossa solução para estar em perfeito alinhamento com o que o seu negócio necessita para estar em constante crescimento e competitividade.


16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo