Buscar
  • Contato EasyPro

Entrevista Ciro Copello: a importância de propor treinamentos para empresas

A EasyPro em parceria com as empresas Adri Guiel e o Consultor de empresas, Ciro Copello, estão proporcionando uma série de treinamentos de suas tecnologias para empresas, no TechPark da Feevale.


Em uma das palestras conseguimos conversar com Ciro Copello para entender um pouco mais sobre o porquê é tão importante as empresas buscarem treinamentos para se qualificarem no mercado.


Para Ciro a importância desses cursos se dá devido ao conhecimento ser muito forte e um grande impulsionador, tanto para empresas como para funcionários. Pois, os cursos são sempre muito focados em mostrar para as pessoas que haverá a mistura entre teoria e a prática, o que proporciona um ganho muito grande para a empresa pôr em prática.


“Juntando o conhecimento teórico e a experiência que a gente tem em vários tipos de empresas, mas também de saber quais são os problemas que as empresas enfrentam e como podemos resolver essa questão com conhecimento, disponibilidade e com toda essa bagagem de ferramentas que passamos nos cursos.


Os nossos cursos são sempre muito focados na questão de desenvolver conhecimento nas pessoas e também disponibilizar ferramentas que ela possa usar no dia a dia. Eu sempre digo que uma empresa não pode viver de consultoria e depender de consultores sempre dizendo o que deve ser feito, ela precisa se desenvolver sozinha. O consultor te dá o início do projeto, o restante é com a empresa”, explica o consultor.


Segundo Ciro, o grande diferencial dos cursos é que eles sempre estão trazendo mais demandas e aumenta a procura das empresas que buscam por um conhecimento específico de algumas ferramentas e que são proporcionadas pelos cursos, o que vem sendo uma troca muito interessante.


Para Ciro é extremamente importante o gestor procurar e participar dos cursos e não apenas os funcionários. “A empresa é como se fosse o corpo de uma pessoa. A cabeça da empresa é a direção, ou seja, direciona o que a empresa quer. Quando eu trago apenas uma equipe fabril, ou operacional, para o curso, eu potencializarei pessoas, que muitas vezes vão entrar em atrito com os pensamentos dos diretores, pois se eles não pensarem a mesma coisa, criarei um problema para a empresa, e não uma solução. Então é importante a diretoria participar, pois todos pensarão da mesma forma e receberão os mesmos conhecimentos. Depois a empresa decide se vai ou não aplicá-los, mas todos terão o mesmo conhecimento”, explica Ciro.




9 visualizações0 comentário