Buscar
  • Conteúdo_EasyPro

Conheça os Principais Indicadores de Desempenho na Produção



Como saber se a produção da sua indústria está de acordo com o planejado? Hoje em dia, isso pode ser monitorado em tempo real por meio dos indicadores de desempenho!


Com soluções digitais e automatizadas, o seu negócio permanece constantemente atualizado, permitindo uma tomada de decisão estratégica e sempre com precisão de acordo com os resultados dessas métricas.


Para ajudar, nos tópicos abaixo vamos explicar um pouquinho sobre os principais indicadores de desempenho, para que você comece hoje mesmo a planejar uma verdadeira revolução no seu negócio!


Para que servem os indicadores de desempenho?


Indicadores de desempenho não são apenas números que contribuem com o monitoramento de sua produção. Muito mais do que isso, esses dados podem ser facilmente convertidos em insights de oportunidades e também de gargalos produtivos.


Se algo não está de acordo com o previsto, essas métricas vão apontar incongruência. Em tempo hábil, seus especialistas conseguem adotar medidas assertivas e devolver a capacidade produtiva aos números esperados.


Assim, os indicadores de desempenho são elementares em qualquer produção industrial, uma vez que a melhoria contínua do trabalho pode ser desenvolvida com esse acompanhamento.

Quais indicadores de desempenho acompanhar na produção industrial?


No geral, é de se compreender que os indicadores de desempenho avaliam, sumariamente, a produtividade e também a qualidade dessa capacidade produtiva. Mas, como destacamos, toda essa eficiência pode ser percebida de diferentes maneiras.


Confira, a seguir, quais são as métricas mais usadas no setor de produção da indústria!


  • Número de Produtos Produzidos

Este indicador, basicamente, é usado para identificar a quantidade de itens produzidos em um determinado período. Esta métrica pode ser usada para avaliar um setor específico, equipe ou turno, facilitando avaliar se o processo segue dentro dos parâmetros esperados continuamente. Se algo foge destes parâmetros estabelecidos, convém analisar os motivos.


  • Produtividade ou Desempenho

Na produção, também se faz necessário acompanhar o desempenho do trabalho individualmente. Ou seja: o quanto cada profissional pode produzir em um determinado período estipulado, dentro das condições e variáveis presentes na sua estação de trabalho.


A importância deste indicador consiste na avaliação e quantificação precisa que eles fornecem da relação de “esforços empregados x produtos e serviços gerados”. O ideal é sempre utilizá-los conjuntamente aos indicadores de qualidade, criando o cenário ideal para o crescimento e desenvolvimento da organização.


  • Qualidade

A qualidade dos produtos fabricados na indústria é um item imprescindível em qualquer segmento, e esta importante característica precisa ter indicadores que a monitore e informem como está o desempenho dos processos.


A utilização e a análise dos indicadores de qualidade trazem eficiência e eficácia aos processos e, com isso, gera resultados positivos para a empresa.

Portanto, o uso de indicadores de qualidade é imprescindível para o gerenciamento. Eles permitem obter informações necessárias para que o gestor possa analisar os processos e melhorá-los continuamente para atingir os objetivos estratégicos de negócios.


  • Tempo Médio Para Reparo

Também conhecido como MTTR — sigla para o termo em inglês Mean Time To Repair —, o tempo médio para reparo consiste na expectativa de tempo para a solução de eventuais paradas no maquinário ocasionadas por eventos de manutenção. Em resumo, mede a capacidade da equipe em consertar a falha de um equipamento ou máquina.


Um importante benefício atribuído a ele é indicação da eficiência do reparo, uma vez que quanto menor for o resultado, melhor será para a eficiência operacional. Sendo assim, é um dos mais importantes indicadores de desempenho porque agrega uma camada extra de controle sobre qualquer situação que oscile a capacidade produtiva da sua indústria.


  • Tempo Médio entre Falhas

O MTBF, sigla para o termo em inglês Mean Time Between Failures ou tempo médio entre falhas, assim como o próprio termo diz, indica o tempo total de bom funcionamento médio, entre as falhas de máquinas que podem ser reparáveis. Ele mensura a confiabilidade da máquina ou equipamento, e quanto maior for o resultado, maior a confiabilidade do ativo.


  • Disponibilidade

Por que uma fábrica não produz 24 horas por dia e 7 dias por semana? Porque isto não é possível.


Ao se utilizar os ativos naturalmente ocorrem desgastes, o que demanda manutenção. As peças dos equipamentos que estão desgastadas terão de ser substituídas ou reparadas, sendo que estes serviços de manutenção demandam tempo e subtraem horas de produção. Considerando isso, a Disponibilidade mede a relação entre as horas que sobraram após a execução dos serviços de manutenção (horas disponíveis) e as horas calendário.


  • Nível da Capacidade Instalada

Imagine que você saiba o número máximo de itens que sua equipe pode desenvolver em capacidade máxima de produtividade. Mas, ao checar os indicadores de desempenho, você percebe que apenas a metade disso tem sido executado.


Aí entra esta métrica, que ajuda a observar a baixa produtividade e, por consequência, favorece o rápido ajuste para devolver o trabalho em seu mais elevado nível de produtividade, qualidade e eficiência.


  • Custo Total de Produção

Este índice revela dados como o custo dos insumos, das horas-máquina, das horas-homem, dos suprimentos e da depreciação dos equipamentos.


Tal valor pode ser monitorado por período, setor, linha de produção ou outros aspectos. Esse acompanhamento ajuda a identificar os custos operacionais e, portanto, identificar o lucro final após a venda. Além disso, ele facilita identificar o momento mais adequado para a tomada de decisão quanto ao reparo dos equipamentos, precificação das suas soluções e até apontar a quantidade mínima de vendas para encontrar o ponto de equilíbrio mensal do negócio.


Como Acompanhar os Indicadores de Desempenho?


As soluções que a EasyPro desenvolveu para o chão de fábrica auxiliam muito no acompanhamento dos indicadores de desempenho. O Easy Control, por exemplo, solução para Monitoramento do desempenho e coleta de dados automático de máquinas em tempo real (OEE – Eficácia Geral de Equipamentos), e mostra em tempo real, através de um painel, os principais indicadores de produção. Tudo isso integrado com o sistema de ERP.

Para saber mais a respeito das nossas tecnologias, entre em contato conosco!

58 visualizações

Comercial: (51) 2160-3929 | (51) 98550-8882

Suporte Técnico: (51) 98550-8882

  • Preto
  • Instagram
  • LinkedIn
  • YouTube